6 comentários:
De DyDa/Flordeliz a 1 de Abril de 2013 às 21:43

Nada como apagar um sonho com a realidade.
Amigo ultrapassado o passado que o presente seja vivido um dia de cada vez com mais vontade e sem lágrimas que não sejam das boas recordações e alegrias.

Abraço
Image


De pimentaeouro a 2 de Abril de 2013 às 14:12
Tirei da minha memória a recordação de um choro triste.
Foi muito gratificante para mim.
Abraço.
Image


De ónix a 1 de Abril de 2013 às 23:50
Olá João
Reencontrou-se com um grande amor do passado... isso não é para toda a gente.Não sei comentar este post, é demasiado bonito para ser real. Tenho andado afastada e prometo estar mais presente a partir de agora. Que esteja bem de saúde.
Abraço


De pimentaeouro a 2 de Abril de 2013 às 21:13

Olá Margarida,

Fico contente por saber que está de regresso. Já dei uma vista de olhos pelo novo visual.

“Demasiado bonito para ser real”. Pode ser uma forma simpática de me dizer outra coisa.

Aquele reencontro não se realizou, é uma fuga à realidade muito dura em que vivo. Será uma forma infantil de fugir à realidade ou um devaneio de um velho meio tonto.

Se a doença da minha mulher permitir, tenciono reencontrar-me com a Fernanda e a Julieta, mesmo ao preço, muito provável, de dois baldes de água fria pela cabeça abaixo.

O que eu sinto é apenas o que eu sinto e nada mais, o passado nunca volta a repetir-se.

Obrigado pela visita e um abraço. 

Image



De ónix a 11 de Abril de 2013 às 00:04
Mas não seria impossível... pensei mesmo que a tinha reencontrado. Mas enfim, a vida é mesmo assim e como diz, talvez mais tarde se dê o tão esperado reencontro. Espero que a sua mulher esteja melhor de saúde.
Abraço


De pimentaeouro a 11 de Abril de 2013 às 21:43
Impossível certamente não será. O desfecho é que poderá ser completamente diferente.
A vida, quando lhe apetece, é madrasta .
Image


Comentar post