Conhece-te a ti mesmo... se puderes.
Sexta-feira, 16 de Novembro de 2012
Saúde pública metal

 

 

 

 

Ainda associamos os problemas de saúde pública mental ao Júlio de Matos ou ao divã do psicólogo para os mais abastados, esquecendo os factores sociais que avariam a cabeça de cada um.

Enquanto a Net não ocupar o pódio, a Televisão continua imbatível na produção de «lixo tóxico» para o cérebro. Como as autoridades públicas vivem em regime de mancebia com a comunicação social, o cidadão em geral e os jovens em particular ficam indefesos.

Pessoalmente, a única solução que encontrei foi ligar a televisão o mínimo possível, apenas como excepção, pelo  que me escapam os progressos que têm sido feitos na matéria e as respectivas maravilha tecnológicas.

Para não ser acusado de exagerado, citouma notícia da imprensa (Expresso ): “ Conversas de engate voltam ao teletexto da SIC e da TVI. Os chats reabriram e voltam ao ecrã os anúncios para encontros sexuais.”

Segue uma exemplificação da matéria que inclui procura para todos os escalões etários – menores incluídos – e segundo o autor do texto “para todas as combinações aritméticas possíveis.”

No meu tempo, um pouco depois de Cristo andar pela terra, quando Salazar velava pela família, a moral e os bons costumes, o «comércio» de mulher dama eram exercido discretamente em casas, com a porta meio aberta, numa espécie de guetos ou em locais afastados das zonas centrais.

Não deixava de ser uma hipocrisia e uma exploração da mulher mas, salvo melhor opinião, tinha um mínimo de decoro, procurando evitar-se a exposição pública do negócio - vícios privados, públicas virtudes -  como mandavam os bons costumes.

Mal por mal, e sem ter saudades de Salazar, parece-me que o comércio da época era mais decente embora admita que fosse muito menos lucrativo.



publicado por pimentaeouro às 21:29
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De Fátima Soares a 16 de Novembro de 2012 às 22:02
Meu querido amigo! Como lhe agradeço profundamente este post . Haja alguém que pensa e vê as coisas como eu as vejo também. É uma podridão. A televisão e aqui também a net está infestada. No fundo penso que as pessoas hoje ou não vêem mais nada ou aquelas vidas resumem-se a isso. E mais nada... As telenovelas (que não vejo) são uma vergonha então as brasileiras é quase explicito. Os talk-shows e porcarias que para aí andam pouco se distanciam do tema sexo e quando não para lá caminham. Perdeu-se o decoro, o respeito, o nexo e a postura. E o que mais me revolta é que hoje as mulheres são umas debochadas e de baixa linguagem e actos que me deixa com vergonha de ser uma. Não é nada que não se saiba que existe. Nada que não existisse sempre mas como diz, havia uma certa forma de ver e se fazer as coisas, que não digo hipócrita , mas assim é demais!!! Vergonhoso!!!! Um grande beijinho e uma abraço. Obrigado pela sua amizade. E sem dúvida OBRIGADO POR ESTE POST !!! Bfsemana


De pimentaeouro a 17 de Novembro de 2012 às 23:40
Nunca, em nenhuma época, houve uma exploração tão intensiva do sexo e da exploração das mulheres.
É um negócio industrializado que aproveita as tecnologias da Internet: uma indignidade total que nos deixa sem palavras.~
Abraço.
Image


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
posts recentes

...

Adriano

Não estamos sós

J 0023

Relogio do Apocalipse

anoma qualquer coisa

Delfos

Evolução ?

3.800 milhões de anos

Xerazade

arquivos
tags

???

ambição

amizade

amor

animais

antropologia

armas

arquitectura

arte

arte biografias

astronomia

ballet

biografias

biologia

blogues

café curto

carttons

ciência

cinema

civilização

clima

corrupção

criminosos

crise financeira

demagogia

demência

demografia

descobrimentos

desemprego

destino

diversos

doenças

dor

economia

eleiçoes

ensino

escravatura

escultura

estado

estupidez

eternidade

ética

eu

eutanásia

evolução

família

filosofia

futebol

genocídio

governo

greves

guerra

história

incendios florestais

inquisição

internacional

justiça

literatura

livros

memória

miséria

mitologia

morte

mulher

mulheres célebres

musica

natureza

natureza humana

paisagens

paleontologia

partidos políticos

patologia ideológica

pátria

pintura

planeta terra

pobreza

poesia

politica

regime político

religião

saudade

saúde

segurança social

sentimentos

sexo

sindicatos

sociedade

sofrimento

sonhos

tecnologia

terrorismo

terrorismo de estado

testamento vital

tristeza

união europeia

universo

velhice

vida

violência

xadrez

todas as tags

favoritos

Anjo

Enamorados

Sonhar

Podem...

Voz da alma

Mentira

Escrever

À luz da lua

Meu amor

Dilemas

links
últ. comentários
Já receava que fosse essa a razão para ter deixado...
Caros bloguers,Encontrei este blog há dias por aca...
Já não era sem tempo!!!
E para quando um novo post por aqui?Tenho sentido ...
Gostei
Igualmente para si e sua família com muitas amend...
E hoje estou a passar por aqui para desejar uma Bo...
Por vezes mais vale consolidar o que já se tem em ...
Felizmente ou não, não estaremos cá para ver.
blogs SAPO
RSS