Conhece-te a ti mesmo... se puderes.
Sexta-feira, 31 de Janeiro de 2014
A Hora do Diabo
Jovens esperavam mais cinco pessoas na casa do Meco
31 de Janeiro, 2014por Joana Ferreira da Costa
Documentos comprovam que tudo foi preparado para mais pessoas da comissão de praxes.
São cada vez mais fortes os indícios de que deverá ter estado mais alguém no fim-de-semana de 15 de Dezembro, na praia do Meco, onde seis jovens perderam a vida, levados pelas ondas.

Uma reportagem da TVI revelou esta quarta-feira que a casa alugada pelos estudantes da Lusófona estava preparada para 12 pessoas e a lista de compras do supermercado, feitas na véspera do encontro por uma das alunas falecidas, Carina Sanchez, também contava com elas. O único sobrevivente, João Miguel Gouveia, líder do grupo, ainda não foi ouvido pela Polícia Judiciária (PJ), mas deverá ser confrontado com estes dados.

Documentos divulgados pela estação de Queluz comprovam que eram esperados mais cinco membros da Comissão Oficial da Praxe Académica (COPA). Carina Sanchez comprou carne a contar com 12 pessoas e bebidas alcoólicas em grande quantidade: 20 litros de vinho, três garrafas de amêndoa amarga e uma de whisky. A jovem deixou escrito que cada membro devia trazer os seus talheres, sendo necessário levarem mais “cinco para os exm.ºs” esperados no Meco.

Também a pessoa responsável pela limpeza da casa tem garantido que tudo estava preparado para receber 12 pessoas. O SOL sabe que houve três representantes de cursos que faltaram ao encontro, mas geralmente os antigos dux também participavam nestes fins-de-semana. Na COPA, é regra ninguém praxar sozinho - o que é explicado como forma de prevenir abusos, garantindo-se que há testemunhas.

Rituais de sociedades secretas

As famílias das vítimas - que já começaram a ser ouvidas pela Polícia Judiciária - têm cada vez menos dúvidas de que os jovens iam ser submetidos na praia a um ritual para subirem na hierarquia da comissão.

“Ao que sabemos, a noite de sábado seria o ponto alto do encontro, a última prova”, disse ao SOL Fátima Negrão, mãe de outra das vítimas (Pedro, de 24 anos, representante do curso de Gestão). Por isso, não ficou surpreendida com a descrição dos rituais que fazem parte do regulamento da COPA, segundo avançou a TVI.

Esse ritual, inspirado numa obra de Fernando Pessoa, A Hora do Diabo, deve ser feito na praia, em noites de lua cheia, sempre após uma sexta-feira 13. Os membros da direcção da COPA, de olhos vendados e de costas para o mar, têm de responder a perguntas do dux. De cada vez que falham, têm de recuar, em direcção ao mar. Neste ritual é suposto participarem antigos dux.

“Houve provas do género na serra da Arrábida, onde os estudantes foram largados sozinhos e sem telemóvel”, diz Fátima Negrão, sobre outro fim-de-semana da COPA, em 2012.

Os pais, que vão constituir-se assistentes no inquérito criminal, criaram um e-mail para receber denúncias (tragedia.meco@gmail.pt). Já receberam mais de 300 mensagens, denunciando situações ou dando informações “da maior relevância” para a investigação. “Estamos a fazer uma selecção e todos os que forem importantes serão encaminhados para as autoridades” - explica ao SOL António Soares, pai de outra das vítimas, Catarina, de 22 anos.

 

Semanário Sol



publicado por pimentaeouro às 22:50
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
posts recentes

...

Adriano

Não estamos sós

J 0023

Relogio do Apocalipse

anoma qualquer coisa

Delfos

Evolução ?

3.800 milhões de anos

Xerazade

arquivos
tags

???

ambição

amizade

amor

animais

antropologia

armas

arquitectura

arte

arte biografias

astronomia

ballet

biografias

biologia

blogues

café curto

carttons

ciência

cinema

civilização

clima

corrupção

criminosos

crise financeira

demagogia

demência

demografia

descobrimentos

desemprego

destino

diversos

doenças

dor

economia

eleiçoes

ensino

escravatura

escultura

estado

estupidez

eternidade

ética

eu

eutanásia

evolução

família

filosofia

futebol

genocídio

governo

greves

guerra

história

incendios florestais

inquisição

internacional

justiça

literatura

livros

memória

miséria

mitologia

morte

mulher

mulheres célebres

musica

natureza

natureza humana

paisagens

paleontologia

partidos políticos

patologia ideológica

pátria

pintura

planeta terra

pobreza

poesia

politica

regime político

religião

saudade

saúde

segurança social

sentimentos

sexo

sindicatos

sociedade

sofrimento

sonhos

tecnologia

terrorismo

terrorismo de estado

testamento vital

tristeza

união europeia

universo

velhice

vida

violência

xadrez

todas as tags

favoritos

Anjo

Enamorados

Sonhar

Podem...

Voz da alma

Mentira

Escrever

À luz da lua

Meu amor

Dilemas

links
últ. comentários
Já receava que fosse essa a razão para ter deixado...
Caros bloguers,Encontrei este blog há dias por aca...
Já não era sem tempo!!!
E para quando um novo post por aqui?Tenho sentido ...
Gostei
Igualmente para si e sua família com muitas amend...
E hoje estou a passar por aqui para desejar uma Bo...
Por vezes mais vale consolidar o que já se tem em ...
Felizmente ou não, não estaremos cá para ver.
blogs SAPO
RSS