Conhece-te a ti mesmo... se puderes.
Terça-feira, 17 de Março de 2015
Memória e escola

Não fiquei traumatizado por ter que decorar o nome dos rios e das linhas férreas. Serviu-me para alguma coisa? Serviu para exercitar a memória, fundamental para a aprendizagem e para a vida, os ditados que tive que fazer devem ter-me ajudado, pelo menos, a aumentar o vocabulário.

Não ia para a escola com medo, mas ia para a escola com respeito pelo professor e pelos empregados: tinha intervalos e horas para recreio, mas não ia para a escola para brincar: fiz o exame da quarta classe e também não fiquei traumatizado: quando terminei a quarta classe, sabia ler, escrever e contar. Não sei quando é que os meninos de hoje sabem aquelas três singelas coisas mas, todavia, fundamentais.

O menino que não pode ser reprendido e não pode fazer exames porque fica traumatizado não passa de um mito com os resultados que estão à vista e o prefessor que não tem autoridade é o segundo prego no caixão.

Dito isto, vamos à memória e à escola:

  1. Há todo um trabalho de memorização que se perdeu muito nas escolas.
  2. A Internet tem um impacto de facilitismo na escola, o facilitismo compromete a elaboração do raciocínio.
  3. Acho que se perdeu a capacidade de pensar, de reflectir, de protelar a resposta, de elaborar o pensamento. 
  4. O principal sentido da história e da memória individual e colectiva é dar um sentido ao presente.

 

Carlos Nunes Filipe, psiquiatra, entrevista ao jornal I, de hoje.

 

P.S.

Os professores deviam receber formação na área de memória e a sua articulação com a aprendizagem.



publicado por pimentaeouro às 22:46
link do post | comentar | favorito

8 comentários:
De Sara a 17 de Março de 2015 às 23:12
Decorar não tem qualquer utilidade - o aluno decora meia dúzia de frases, despeja num teste e vai à sua vida. O que tem utilidade é compreender não decorar. Parece-me um contra-senso o desse senhor falar na não estimulação do raciocínio e depois da memorização porque é precisamente o decorar que leva a que não se raciocine - para quê quando se pode decorar meia dúzia de datas? Todo o ensino se baseia neste pressuposto infelizmente...Os exames é outra treta - só incentiva o decoranço e não avalia nada, além de prejudicar alunos com bom desempenho em aula. Retirar os exames é facilitar? Não porque o trabalho contínuo em sala de aula com avaliações periódicas dá esse sim muito mais trabalho. Pensamento típico do tempo do outro senhor - a palmatória não me traumatizou, porque não implementa-la?


De pimentaeouro a 18 de Março de 2015 às 00:22
Cara amiga,
Estamos nos antípodas. Os nossos conceitos de memória e raciocínio nada têm de comum.
Cumprimentos.


De Kruzes Kanhoto a 17 de Março de 2015 às 23:29
O actual sistema de ensino está feito para os maus alunos, não valoriza os bons e quase premeia os burros!


De pimentaeouro a 19 de Março de 2015 às 22:42
Assino por baixo.


De A rapariga do autocarro a 18 de Março de 2015 às 06:41
É absurdo o que se passa nas nossas escolas, mas muito do problema vem de casa, os pais estão a falhar na educação, e o Governo vai ajudando com estes critérios de avaliação"não traumatizar o menino"!!!


De pimentaeouro a 18 de Março de 2015 às 23:50
No ensino tudo é muito complicado, resumindo: as famílias foram expulsas das cidades para dormitórios distantes. O padrão são dois transportes à ida e à volta do trabalho, com cerca de três horas perdidas, à vezes mais.
Os país, quando chegam a casa «compram» o silencio dos filhos com consolas, computadores, jogos, net, etc. para poderem fazer o jantar do dia seguinte. Há mais, mas não quero abusar da sua paciencia.


De Cris a 19 de Março de 2015 às 14:21
Acho que ambas a memória e a compreensão devem ser estimuladas. As crianças devem ter tempo para brincar e tempo para ter responsabilidades. Tudo com peso e medida. Nos dias de hoje, não percebo o que andam a fazer com o ensino. Até pode não haver exames, mas tem que haver traballhos ao longo do ano lectivo que contem para nota.


De pimentaeouro a 19 de Março de 2015 às 20:28
É um dos desastres de Abril.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
posts recentes

...

Adriano

Não estamos sós

J 0023

Relogio do Apocalipse

anoma qualquer coisa

Delfos

Evolução ?

3.800 milhões de anos

Xerazade

arquivos
tags

???

ambição

amizade

amor

animais

antropologia

armas

arquitectura

arte

arte biografias

astronomia

ballet

biografias

biologia

blogues

café curto

carttons

ciência

cinema

civilização

clima

corrupção

criminosos

crise financeira

demagogia

demência

demografia

descobrimentos

desemprego

destino

diversos

doenças

dor

economia

eleiçoes

ensino

escravatura

escultura

estado

estupidez

eternidade

ética

eu

eutanásia

evolução

família

filosofia

futebol

genocídio

governo

greves

guerra

história

incendios florestais

inquisição

internacional

justiça

literatura

livros

memória

miséria

mitologia

morte

mulher

mulheres célebres

musica

natureza

natureza humana

paisagens

paleontologia

partidos políticos

patologia ideológica

pátria

pintura

planeta terra

pobreza

poesia

politica

regime político

religião

saudade

saúde

segurança social

sentimentos

sexo

sindicatos

sociedade

sofrimento

sonhos

tecnologia

terrorismo

terrorismo de estado

testamento vital

tristeza

união europeia

universo

velhice

vida

violência

xadrez

todas as tags

favoritos

Anjo

Enamorados

Sonhar

Podem...

Voz da alma

Mentira

Escrever

À luz da lua

Meu amor

Dilemas

links
últ. comentários
Já receava que fosse essa a razão para ter deixado...
Caros bloguers,Encontrei este blog há dias por aca...
Já não era sem tempo!!!
E para quando um novo post por aqui?Tenho sentido ...
Gostei
Igualmente para si e sua família com muitas amend...
E hoje estou a passar por aqui para desejar uma Bo...
Por vezes mais vale consolidar o que já se tem em ...
Felizmente ou não, não estaremos cá para ver.
blogs SAPO
RSS