Conhece-te a ti mesmo... se puderes.
Quinta-feira, 15 de Fevereiro de 2018
O pai da História

 Chamado de o "Pai da História" e também de o "Pai das Mentiras", o estudioso grego Heródoto de Halicarnasso tornou-se uma importante e polêmica figura na história da História. Considerado por alguns como tendo sido o "primeiro historiador", dando início a "escrita da história" de forma a desassociá-la da Literatura e das lendas e mitos, por outro lado, por vários séculos fora chamado por alguns de "grande mentiroso", pois teria escrito sobre questões duvidosas e possivelmente distorcido fatos ou até mesmo inventado outros.

Mas entre ser chamado de historiador e mentiroso, é inegável que a volumosa obra de Heródoto, batizada de Histórias, é considerada para alguns como o primeiro trabalho histórico ou pseudo-histórico, pois em seu tempo o próprio Heródoto não descartava o fato de que suas Histórias fosse uma "literatura diferente", no entanto, embora pensasse dessa forma, sua obra fora fonte de inspiração para historiadores de seu período e até de séculos posteriores.

Halicarnasso

Heródoto embora tenha sido um grego ele não nasceu na península grega e nem nas ilhas gregas, mas nasceu nos territórios coloniais gregos, chamados de Magna Grécia. A cidade de Halicarnasso ficava localizada na Cária, de fronte ao Mar Egeu, sendo hoje a atual cidade de Bodrum na Turquia. Mas, no início fora uma colônia grega fundada por Argos e Trezena, inicialmente compreendia a ilha de Zefiria no golfo de Cós. Posteriormente a cidade cresceu e mudou-se para o continente, vindo vários anos depois a se tornar uma das cidades mais importantes da região da Cária, até se tornar capital desta. Quando Heródoto nasceu, a Cária estava sob o governo persa há várias décadas, pois os persas haviam conquistado a Ásia Menor (hoje corresponde ao território da Turquia). No tempo que ele nasceu e viveu boa parte, reinara o rei persa Xerxes I. Embora, tal região estivesse ligada ao Império Persa, seus habitantes falavam grego ou jônio e preferiam manter a cultura grega do que adotar a cultura persa.

A cidade de Halicarnasso é principalmente lembrada na História por ter sido o lar de dois importantes historiadores como Heródoto e Dionísio de Halicarnasso (século I a.C). Lar do poeta Paniasis, da rainha Artemísia I de Cária a qual se unira ao exército do rei persa Xerxes I e combateu os gregos na Batalha de Artemísio (480 a.C) e na Batalha de Salamina (480 a.C), durante a chamadaSegunda Guerra Médica ou Guerras Greco-persas.

Todavia, Halicarnasso também é conhecida por ter possuído uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo, o chamado Mausoléu de Halicarnasso, construído pela rainha Artemísia II para sepultar o corpo de seu falecido marido o sátrapa (governador persa) Mausolo (? -353 a.C). A imponente tumba fora considerada por longos anos uma maravilha arquitetônica. Hoje em dia apenas algumas ruínas são visíveis. 
Mas, se até aqui vimos que Halicarnasso fora uma cidade importante em alguns aspectos históricos, passamos para falar sobre a vida de Heródoto, a qual ainda hoje é bastante desconhecida.

 



publicado por pimentaeouro às 22:00
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
posts recentes

...

Adriano

Não estamos sós

J 0023

Relogio do Apocalipse

anoma qualquer coisa

Delfos

Evolução ?

3.800 milhões de anos

Xerazade

arquivos
tags

???

ambição

amizade

amor

animais

antropologia

armas

arquitectura

arte

arte biografias

astronomia

ballet

biografias

biologia

blogues

café curto

carttons

ciência

cinema

civilização

clima

corrupção

criminosos

crise financeira

demagogia

demência

demografia

descobrimentos

desemprego

destino

diversos

doenças

dor

economia

eleiçoes

ensino

escravatura

escultura

estado

estupidez

eternidade

ética

eu

eutanásia

evolução

família

filosofia

futebol

genocídio

governo

greves

guerra

história

incendios florestais

inquisição

internacional

justiça

literatura

livros

memória

miséria

mitologia

morte

mulher

mulheres célebres

musica

natureza

natureza humana

paisagens

paleontologia

partidos políticos

patologia ideológica

pátria

pintura

planeta terra

pobreza

poesia

politica

regime político

religião

saudade

saúde

segurança social

sentimentos

sexo

sindicatos

sociedade

sofrimento

sonhos

tecnologia

terrorismo

terrorismo de estado

testamento vital

tristeza

união europeia

universo

velhice

vida

violência

xadrez

todas as tags

favoritos

Anjo

Enamorados

Sonhar

Podem...

Voz da alma

Mentira

Escrever

À luz da lua

Meu amor

Dilemas

links
últ. comentários
E para quando um novo post por aqui?Tenho sentido ...
Gostei
Igualmente para si e sua família com muitas amend...
E hoje estou a passar por aqui para desejar uma Bo...
Por vezes mais vale consolidar o que já se tem em ...
Felizmente ou não, não estaremos cá para ver.
É duvidoso que seja.
Daqui a 100 anos, será uma lista tão grande, mas t...
Completamente! O suposto inteligente!!!
blogs SAPO
RSS